3 DICAS PARA OTIMIZAR A COMUNICAÇÃO NO CANTEIRO DE OBRAS

por nov 14, 2019

 

 

Quem trabalha em canteiros de obras sabe: é fundamental que a performance na construção civil seja de alto padrão. Para alcançar esse objetivo, técnicas e ferramentas que facilitem a comunicação devem ser adotadas, já que são a base para a realização de quaisquer atividades que dependam das relações interpessoais.

 

Os problemas comunicacionais podem ocorrer em diferentes setores, afetando desde equipes de campo até a alta gestão, interferindo diretamente nas decisões do responsável pela obra, popularmente conhecido como PREO (profissional responsável pela obra).

Mas, quais os impactos desses problemas para a obra?

Além do tempo demandado para gerenciar conflitos e sanar dúvidas sobre o projeto, há retrabalho na correção de irregularidades e aumento nos custos operacionais. Estima-se que esses problemas geram desperdício de até 14 horas semanais de trabalho, número que impacta diretamente o orçamento anual das construtoras.

Por esse motivo, é necessário que estratégias de comunicação eficientes sejam desenvolvidas e implementadas a fim de solucionar ou, pelo menos, minimizar os efeitos dos problemas existente nos canteiro de obras.

Quer saber como aprimorar a comunicação na sua obra? Então preste atenção nas três dicas destacadas abaixo!

Estabeleça objetivos e metas

A primeira dica para otimizar os processos comunicacionais nas obras é a criação de um cronograma de atividades detalhado: metas, encarregados e prazos.

Após definido, o responsável pela obra pode disponibilizar o material à todos os envolvidos no projeto – geralmente por meio de reuniões ou usando aplicativos exclusivos para o gerenciamento de obras. Dessa forma, o acesso às informações é assegurado em qualquer momento, diminuindo dúvidas e conflitos.

 

Uma vez que determinadas atividades são elencadas como prioridade no cronograma, o início de uma nova  somente será permitido a partir do momento em que a destacada for concluída.

A adesão dessa política de transparência favorece um maior controle de qualidade no empreendimento já que todo o trabalho passa a ser acompanhado, possibilitando que, quando necessária, a tomada de decisão seja mais assertiva, reduzindo taxas de retrabalho e desperdício de materiais.

 

Crie ordens de serviço

 

A segunda dica para aprimorar a comunicação na área da construção civil é criação de ordens de serviço, um documento importante para garantir o bom andamento de uma obra. Sua principal função é orientar a execução das atividades listadas no cronograma, estabelecendo uma rotina de trabalho.

Por meio de informações claras e objetivas descritas na ordem de serviço, cada funcionário da empresa têm, a qualquer momento, fácil acesso aos procedimentos e materiais necessários para o cumprimento das tarefas do dia.


Assim, garante-se que todas as equipes atuem de forma organizada e de acordo com as demandas, evitando conflitos interpessoais e com a alta gestão, gastos com aquisições de produtos desnecessários e, claro, perda de tempo.

Embora não seja o desejável, acidentes ou atos de negligência podem ocorrer. Nesses casos, as ordens de serviço também podem auxiliar na identificação de erros como o descumprimento de normas e atividade, implicando na devida responsabilização legal sobre os atos cometidos.

 

Use a Tecnologia a seu favor

Por fim, a terceira dica: Investir em tecnologia!

Isso pode proporcionar diversas melhorias na construção civil. Entre elas, pode-se destacar a redução dos esforços das equipes de trabalho e a economia na aquisição e manejo dos materiais para obra.  Isso significa que o tempo de entrega e o valor final do empreendimento podem ser reduzidos, beneficiando o mercado imobiliário. Na comunicação não é diferente.

Com pequenos investimentos  é possível utilizar ferramentas de automação capazes de otimizar processos obrigatórios como, por exemplo, o preenchimento de diários de obras digitais e a produção de relatórios finais, enviados automaticamente para o gestor.  Além disso, há possibilidade de criar canais de contato direto com os funcionários, transmitindo informativos relacionadas ao projeto, normas de segurança, avisos, entre outros.

Vale lembrar que os funcionários precisam conhecer o funcionamento das ferramentas inseridas no canteiro de obras, tendo em vista que algumas soluções possuem características únicas. Por isso, recomenda-se que treinamentos sejam ofertados pela organização. Afinal de contas, de que adianta a tecnologia sem conhecimentos suficientes para aplicá-la ao contexto da construção civil?


Embora os investimentos sejam mais expressivos em questões técnicas e operacionais, em um canteiro de obras é preciso atentar-se também aos fatores humanos e processos comunicacionais, igualmente importantes para o equilíbrio e transformação do ambiente organizacional.

Investindo em estratégias de comunicação simples e eficientes é possível solucionar ou, pelo menos, minimizar os efeitos dos problemas existente nos canteiro de obras.

Leonardo Batistão

Leonardo Batistão

Redator