3 medidas tecnológicas para gerenciar a sua obra de modo eficaz

por out 24, 2019

3 medidas tecnológicas para gerenciar a sua obra de modo eficaz

Diante de tantas revoluções tecnológicas, não é de se admirar que a tecnologia chegou também à área da construção civil. Hoje, engenheiros, arquitetos e demais trabalhadores de uma obra contam com equipamentos modernos para tirar o projeto do papel.

As chances de se obter sucesso na gestão das organização atuantes nessa área podem ser multiplicadas infinitas vezes. Porém, tudo irá depender de quão atentas e dispostas as empresas estão a levar as inovações para dentro do ambiente empresarial.

Com o auxílio dessas ferramentas inovadoras é possível fazer o gerenciamento completo da obra, do projeto à entrega. Análise e controle dos processos construtivos, listagem de equipamentos, ordens de serviço, vistoria de segurança e a gestão eficiente dos documentos de forma integrada são alguns entre os vários exemplos de processos facilitados pelo uso da tecnologia.

 

Veja de que forma a tecnologia pode auxiliar sua empresa.

Separamos três medidas que com certeza farão a diferença para o seu negócio. 

Acompanhe!

 

Informatização
Nos últimos 10 anos era comum observar em grandes empresas, sobretudo as voltadas à construção civil, o uso expressivo de materiais impressos dentro dos escritórios e nos canteiros de obras. Eram planilhas, contratos, solicitações, notas fiscais de fornecedores entre tantos outros exigidos para composição de relatórios finais.

Mas até que ponto é válido para uma empresa manter esse tipo de prática em pleno século XXI? Hoje existem recursos tecnológicos para realizar essas tarefas de forma muito mais precisa.

Por isso, investir em ferramentas capazes de conceder agilidade aos processos burocráticos de uma empresa é uma das formas mais efetivas para se alcançar melhores resultados em produtividade e segurança. Esse processo de digitalização de documentos pode contribuir em diferentes setores e, sobretudo, dentro do canteiro de obras, sendo possível:

  • Acessar, a qualquer momento, todos os documentos já cadastrados. Assim, qualquer profissional estará por dentro do andamento da obra.
  • Editar documentos existentes ou criar novos a partir do scanner no próprio dispositivo.
  • Adicionar ao diário fotografias comprobatórias de serviços realizados ou falhas no projeto.

 

E-CPF

O tempo não para. A todo momento profissionais de diversas áreas se vêem diante de situações em que suas presenças são exigidas. A fim de otimizar o tempo desses profissionais, uma nova ferramenta foi desenvolvida: o e-cpf.

Criado como forma de garantir a autenticidade, integridade e segurança via comunicação eletrônica, o Certificado Digital é um arquivo eletrônico que identifica os seus titular na rede mundial de internet.  Com ele, é possível realizar serviços e assinar e/ou autenticar documentos eletronicamente, sendo dispensadas quaisquer formas de deslocamentos até cartórios, poupando tempo, custos com transporte e trâmites burocráticos.

O sistema é tão seguro que já está sendo implementados em contratos bancários e de câmbio, negócios até então marcados pela obrigatoriedade de assinaturas em papel devidamente reconhecidas em cartório.

Alguns sistemas de gestão especializados em otimização para obras dispõem dessa ferramenta. Dessa forma, a rotina no canteiro de obras fica muito mais dinâmica, possibilitando que os profissionais responsáveis pela construção atuem de modo mais eficiente, garantindo a qualidade e segurança nos processos.

 

Paperless

Utilizar o diário de obras e demais materiais impressos no campo de trabalho tendem a gerar a erros no processo. Além do risco de rasurar um documento oficial, durante o seu preenchimento também há a possibilidade de deixar em branco campos importantes do diário, ou seja, sem informação alguma. Em alguns casos, as informações estão no documento, porém, escritas de forma ilegível.

Por esse motivo, é recomendado utilizar sistemas funcionais que auxiliam no preenchimento correto do diário de obras. Com eles, é possível otimizar o tempo e aumentar a produtividade dos profissionais envolvidos em todos os setores da obra, além de garantir a qualidade e segurança do trabalho. 

Outra vantagem do uso desses sistemas é a praticidade. Ao final do processo, todas as informações, fotografias e demais detalhes técnicos registrados no diário de obras são disponibilizados via email em arquivos compatíveis com qualquer dispositivo.

Além da questão ambiental, a substituição dos papéis por arquivo digitais contribui para a redução de custos e melhor gerenciamento dos arquivos de uma organização. Adotando a chamada política do paperless é possível:

  • assegurar que os documentos sejam facilmente encontrados e consultados por meio do uso de palavras-chave, numeração de série e datas.
  • aproveitar melhor os espaços antes ocupados pelas inúmeras pastas conhecidas como arquivo morto;
  • evitar a deterioração de documentos e memórias provocadas pelas condições climáticas e os efeitos do tempo;
  • Armazenar dados de modo totalmente seguro, evitando usos e acessos indevidos.

Embora simples, esses recursos tecnológicos podem impactar positivamente na rotina de trabalho da sua empresa. Com eles, é possível realizar tarefas cotidianas, como vistorias, liberação de assinaturas e relatórios completos de forma muito mais precisa.

Como resultado, tem-se economia na aquisição de materiais de escritório, redução significativa na produção de resíduos sólidos que agridem o meio ambiente, otimização de tempo ao evitar trâmites burocráticos e deslocamentos desnecessários, entre outros benefícios.

 

Hoje, existem diversos softwares disponíveis no mercado que podem auxiliar sua empresa a obter todas essas vantagens. 

 

Um deles é o Videnci. Com apenas R$ 19,90 já é possível ter acesso a um pacote de funcionalidades completo para o gerenciamento de documentos, equipes de campo e muito mais!


Acesse nossa página e confira todas as informações e tabela de preços. 
Aproveite!

Leonardo Batistão

Leonardo Batistão

Redator